quarta-feira, 24 de março de 2010

A SOPA NOSSA DE CADA DIA

O clima de Manaus é quente é úmido, estamos bem na Linha do Equador, temos somente duas estações durante o ano todo, o verão de Saara e o inverno com muita chuva e calor intenso; com toda essa quentura, o normal seria termos uma alimentação bem leve, no entanto, o manauense gosta mesmo é de uma Sopa bem quente.

Lembro da minha infância, tinha a maior raiva de sopa, apanhei muito dos meus pais, forçavam eu tomar aquele caldo quente com carne; hoje, brigo e, se possível, vou até a guerra, para poder tomá-la.

Comecei a tomar gosto com a “Sopa da Tia Dica”, na Avenida Constantino Nery, a proprietária do estabelecimento fazia a melhor sopa de mocotó de Manaus; a casa era de madeira, uma vez fui com uma amiga, secretaria executiva de uma empresa do Distrito Industrial, ela toda bonitona e charmosa, pisou bem num buraco da tábua do chão da casa, o salto do sapato ficou preso e caiu com todo o corpão em cima da panela de sopa da Tia Dica, foi um micão daqueles! Com o falecimento da proprietária, o empreendimento foi tocado pelos filhos e netos, hoje é o “Sopão do Professor”, ainda dou uns pulos por lá.

Atualmente, temos sopa de todos os gostos e preços: carne, mocotó, caranguejo, russa, carne assada, beterraba, iogurte, canjinha com moela, músculo com espinafre, lentinha, cenoura, queijo, rabada com tucupi e até sopa de piranha (foto acima)! Existe até rodízio de sopa, além de delivery de sopa, é mole!

Encontramos sopa em qualquer buraco de Manaus, existe até o Rei da Sopa! Somente não a encontramos nos shopping Center da vida, pois o estilo é norte-americano, a cabocada não encontra por lá sopa, churrasquinho de gato e nem farinha.

Segundo os especialistas em gastronomia Baré, os manauenses são muitos festeiros, adoram frequentar as casas de Forró, Brega, Funk e Rock, além do Bar do Boi, bares, boates e o escambau, por isso, são os maiores bebedores de cervejas do Brasil – acabam tirando a ressaca com uma sopa bem quente na goela! É um santo remédio para repor as energias perdidas na night!

Não estão nem aí para a cidade ser quente, pois é um costume regional optar por produtos gordurosos, como o mocotó e a carne. Dizem que a dieta preferida do manauense é a “Dieta da Sopa”: deu sopa, ele come! É isso.

Postar um comentário