quinta-feira, 3 de março de 2011

GRES BALAKU BLAKU

História


A Balaku Blaku foi fundada em 22 de outubro de 1977 na Rua Isabel, no Centro de Manaus.

Em 1978, ainda como um Bloco Carnavalesco, consagrava-se campeã frente à Batucada Baré e a Batucada Acadêmicos do Rio Negro. Alguns dos Seus fundadores – Churchill, Fernando Teixeira, Rivaldo, a família Teixeira - deram de tudo para que a batucada crescesse e alcançasse um patamar de boa qualidade, anos depois a batucada entrava na qualidade de Bloco de Enredo.

Em 1989, foi transformada em escola de samba. Em 1992 a Balaku Blaku desfilava no então recém inaugurado Sambódromo de Manaus e, em 1995 com o vice-campeonato com o Enredo sobre as três raças, a escola finalmente se posicionava como uma das maiores do Carnaval amazonense.

Enredos

1987 Acesso Do Sonho à Realidade, 10 Anos de Glórias
1988 Acesso Em Cima da Hora - Circo de Pobre
1989 Acesso No Esplendor do Carnaval
1990 Acesso O Mundo Encantado de Charles Chaplin
1991 Não houve " Balaku Blaku na Disneylandia"
1992
1993 Especial Inca: Império do Sol
1994 5º lugar Especial No Mundo das Nuvens: Venha Voar Comigo
1995 2º lugar Especial O Canto das Três Raças
1996 4º lugar Especial Os Sete Pecados Capitais do Brasileiro
1997 5º lugar Especial Hoje Quem Paga Sou Eu
1998 3º lugar Especial Império do Sol Nascente no Esplendor do Carnaval
1999 Desclassificada Especial Das Barrancas do Juruá ao Palácio Rio Negro: "Quem Sabe Faz"
2000 5º lugar Especial Olímpico, O Jardim da Kamélia
2001 Campeã Especial Nilton Lins, Educação - Ontem, Hoje e Amanhã
2002 6º lugar Especial Itacoatiara: Mito, Força e Beleza
2003 6º lugar Especial Ativa, Mulher Guerreira de Ontem, de Hoje e de Amanhã
2004 6º lugar Especial Mitos, Luxos e Folia no Carnaval de Todos os Tempos
2005 6º lugar Especial Aquarela da Amazônia Para o Mundo Ver
2006 4º lugar Especial Dos Rios e das Matas
2007 7º lugar Especial Um Fenômeno Chamado Calypso
2008 7º lugar Especial Balaku Blaku Apresenta Marcelo Mourão: Filho da Mata, Filho do Mundo
2009 7º lugar Especial Akator - Nem Ouro, Nem Prata, o Eldorado Existe e é Verde - Amazônia
2010 7º lugar Especial Da Escrita à Internet: Não se Comunicou, Dançou
2011 Especial “Do divino ao profano. Na vida e na morte. Do natural ao artificial. A força mais poderosa do universo: Luz”


Foto: J Martins Rocha
Postar um comentário