domingo, 18 de setembro de 2011

MÚSICA DE BEIRADÃO


É um tipo de música genuinamente da Região Norte, tocada nas casas de dança e nos bares que ficam nas beiras dos incontáveis rios e igarapés da Amazônia.

Beiradão é um termo utilizado pelos ribeirinhos para designar as ribanceiras, partes altas das margens dos grandes rios amazônicos, onde constroem as suas casas.

Na realidade, a música de beiradão compõe-se de uma mistura de ritmos e de influências que surgiu na metade dos anos 70, atingindo o seu apogeu em meado dos 80.

No Estado do Amazonas os principais representantes são os compositores Teixeira de Manaus, Oseas da Guitarra, Chico Caju, Cheiro-Verde e André Amazonas.

Em Manaus, a casa de espetáculo “Ao Mirante” realiza duas vezes por mês a “Noite do Beiradão”, com um repertório composto pelos ritmos maracatu, xote, baião, carimbo, sairé, marambiré e lundu – é uma forma de revalorizar os conhecimentos, a cultura e os trejeitos dos nossos caboclos.

O ritmo é dançante e, como é música de interior, os casais dançam no compasso até o dia amanhecer.

O compositor e instrumentista George Jucá, por ser um caboclo do interior, compõe e faz pesquisas sobre o ritmo Beiradão.

Baixei do YouTube (Rádio Forró Brega) uma música do Oseas da Guitarra, chama-se “Lambada de Manaus”. Vamos curtir o ritmo. É isso ai.

Postar um comentário