sexta-feira, 1 de agosto de 2014

SECOS & MOLHADOS


A PAZ - Acredito que a PAZ virá, num futuro próximo, em decorrência dos gestos de algumas crianças palestinas e israelitas de hoje, que se abraçavam na Faixa de Gaza. Os adultos estão contaminados pelo ódio da vingança e da intolerância religiosa!
Ademir Ramos Ramos Rochinha, neste sábado na Praça do Jaraqui vamos fazer banzeiro pela cultura de paz contra a volúpia da guerra. A UNICEF publicou uma bela nota que vamos comentar na Praça. Paz é a palavra de ordem.
Jose Rocha Valeu, professor e amigo Ademir Ramos Ramos! No sábado, estarei labutando pelo pão de cada dia, mas, tentarei dar um pulo até a Praça do Jaraqui, pois pela PAZ serve qualquer sacrifício! Abraços e parabéns pelo Projeto Jaraqui

Tenho orgulho de ter participado desse movimento!
A LUTA PELA HOMOLOGAÇÃO DO ENCONTRO DAS ÁGUAS GANHA DIMENSÃO INTERNACIONAL
Informo aos militantes do nosso Movimento Socioambiental S.O.S Encontro das Águas, em particular os comunitários da Colônia Antônio Aleixo comprometido com a salvaguarda deste patrimônio, bem como ao Movimento Educar pela Cidadania, a Comuna Jaraqui, a Direção da Associação dos Docentes da UFAM ao poeta Thiago de Mello, Tenório Telles, Dori Carvalho, Márcio Souza, Milton Hatoun, Aldísio Filgueiras e tantos outros que engrossaram esta luta, que a produtora belga Marie-Martine nos informa que estará de volta conosco para fechar o roteiro de filmagem do Documentário sobre a proteção do Encontro da Águas, visto que conseguiu parte do financiamento, bem como também a garantia de difusão pela TV Belga do Documentário a ser filmado entre nós pela HOMOLOGAÇÃO DO NOSSO ENCONTRO DAS ÁGUAS CONTRARIANDO A VONTADE DO PODERIO ECONÔMICO ARRIVISTA LOCAL, QUE É CAPAZ DE ARRENDAR O TEATRO AMAZONAS CONTRARIANDO SUA NATUREZA E MAGNITUDE. Leiam o E-mail abaixo que dá ânimo a nossa luta. "Você se lembra? Em fevereiro de 2009, participei da sua manifestação contra o projeto do porto no Encontro das Águas. Talvez você se lembre do objetivo da minha passagem por Manaus: recolher testemunhos para preparar um documentário sobre a Amazônia, nova 'musa' dos Ocidentais. Finalmente (!!) e depois de muitas dificuldades, temos um começo de financiamento e o acordo da radiodifusão de televisão belga para difundir nosso documentário. Tenho a intenção de vir três semanas a Manaus, de 17 de agosto a 5 de setembro para retomar contatos e organizar o filmagem. Devemos começar a filmar em Outubro ou novembro. Você estará em Manaus entre 15 de agosto e 5 de setembro? Eu espero que sim. Atualmente estou traduzindo em português uma síntese do meu roteiro (meu português ainda é fraco) e envia para você nos próximos dias.
Espero ter sua notícia rapidamente!
Um abraço, Marie-Martine"

PARA RELAXAR - Um português, morador de Manaus, foi passear pela Praia da Lua, na época da vazante – deu uma bicuda num Aladim que estava na areia, pegou, alisou e. abriu a tampa. Nessa, sai um gênio, dando gargalhadas, mais alegre do pinto na merda:
- Cinco mil anos preso nessa porra! Português, você tem direito a três pedidos, faz logo, pois estou atrasado a um encontro faz muitos anos!
- Ô, caralho! - respondeu o português!
O gênio, na maior, mandou trazer um montão de caralhos (órgão genital masculino) para o portuga.
- Faz logo o segundo pedido, pois estou atrasadíssimo para o meu encontro!
- Leva de volta esses caralhos, caralho! – pediu o lusitano!
O gênio obedeceu na íntegra, mandou para o além, todos os caralhos, inclusive, o caralho (órgão copulador) do portuga!
- Faz logo o terceiro pedido, pois estou cinco milhanos sem dar uma!
- Traz de volta o meu caralho, caralho! - suplicou o homem da terra do fado!
O gênio mandou trazer para o presente o caralho do gajo da terra de Camões e, mais um porrada de caralhos voadores!
- Fica com os teus caralhos, lusitano! Fui!
Esta piada, fez-me lembrar do meu amigo português Armando Soares, ele sempre adicionava nas suas conversas “ô, cararalho!” Porra!
                                                                   

COISAS DE POLÍTICOS - Ouvi atentamente uma entrevista, numa rádio local, do candidato a governo do Amazonas, o português Chico Preto. O cara é bom de papo, além de ter projetos para tudo! O que me intriga é o fato dele não ter as mínimas condições de ser eleito, a não ser que o caboco Melo e o paraense Braga façam a maior merda ou que um queime o outro, pois os dois possuem “rabo preso”. Na realidade, o portuga não é nada besta, ela corre pela beirada, ou seja, vai tentar conseguir o máximo possível de votos e, numa possibilidade de um segundo turno entre os dois com a maior intenção de votos, o Chico Preto vai ser disputado “no tapa”, para apoiar o Braga ou o Melo! Nessa situação, o portuga vai ganhar prestígio, secretarias e, tudo o mais. Vocês sabem quem é o vice dele? O Nicolau, o cara! Os dois são espertos e, estão corretos em suas estratégias! Eu é que estou na letra EFE por tentar ser honesto!
Postar um comentário