quarta-feira, 2 de julho de 2014

O SHEIK CLUB


Fundado em 1954, fruto do idealismo de um grupo homogêneo de brasileiros, sírios, filhos de sírios e libaneses, tendo como objetivo a promoção de eventos sociais para entreter e divertir os seus associados.

Foi uma entidade social que marcou toda uma geração de jovens da nossa terra, ficava na Avenida Getúlio Vargas esquina com a Avenida Ramos Ferreira – o prédio continua o mesmo, com poucas intervenções, funcionando atualmente no lugar uma academia de fitness.

Foram os seguintes os seus sócios fundadores:
José Mussa Neto
Antônio José Tuma
Calil Abdala
João Miguel Isper
AzizeMansourFraiji
Kardec Abrahim
Humberto Moreira dos Santos
Miguel MansourFraiji
Benjamin Assis Sachesde Oliveira
Rafael AzizeAbrahin
Waldemar Vieira Soares
Mansuelo Queirós
Francisco Ronci
Mário HissaAbrahim
José Hadad
Caram Abrahim
José Antônio Tuma
DahasAbrahim
BajatAbrahum
Nagib Salem José
IsperAbrahim
Jorge Abrahim
Felipe IsperAbrahim
Caram Jorge
Benjamin Mussa
Mansour Sanches Cheuan
José AzizeAbrahim
Munir MansourFraiji
Edmundo Seffair
Alberto José Antônio Tuma
Jorge Cordeiro
Vadir Hermes
Abdon Mussa
Dibo Mussa
Waldemar Abrahim
Abrahim Calil
Abrahim J. Monassa
Waldemir Peres Lustosa
Manuel Curcino Correa
HissaAbrahim
Luís Caram Abrahim
Jones IsperAbrahim
João MansourFraiji
Jorge Dib
Clible Calil Abrahim
Alberto Fraiji
Júlio José Antonio Tuma
Jorge AbilioFraiji
Miguel Zogahib
Péricles Assis Sanches Oliveira
Otávio BajatAbrahim
Jodat Sado
José Calil Assaf
João Sanches de Oliveira
Jorge Ayub Mussa
Américo Walter Mestrinho da Rocha
Zacarias Bichara
José Fadul
Rui Lima
Abdul RazacHauache
KaledHauache
Wilson AbdalaKalil
Sebastiao Haded
Amim Said
Mário Severiano Câmara
Geraldo Antônio Tuma
Jorge Alencar Abrahim
Mussa Neto
João Carlos Antônio Tuma
Jorge Caran Neto
Calil Mussa
Miguel Alencar Abrahim
Getúlio AbrahimFraiji
Franklin Abrahim Lima


A sede própria somente foi efetivada em 1969, quinze anos depois da fundação do clube, na administração do Jones Isper Abrahim, possuindo linhas arquitetônicas que embelezavam a nossa cidade, situada em um dos pontos mais importantes do centro, a Avenida Getúlio Vargas.

Na década de setenta, na minha juventude, tive o privilégio de frequentar o clube, participava das suas programações de finais de semana, incluindo os bailes carnavalescos – foi um tempo que marcou a minha vida e de muitos colegas que moravam na Avenida Getúlio Vargas.


É isso ai.
Postar um comentário