sábado, 28 de maio de 2016

SEGUNDA SEM LEI


O segundo dia da semana é considerado o primeiro no calendário– os pagãos antigos reverenciavam esse dia como dedicada a Lua, por isso que em espanhol é chamada de Lunes - a segunda-feira, dizem alguns que é o pior dia: ressaca, preguiça, malhar, trabalhar, estudar e, por ficar bem longe da sexta! – por outro lado, existe uma galera que adora esse dia, também conhecida como SEGUNDA SEM LEI.

A minha amiga a Socorro Papoula, comentou que no dia seguinte a morte do cantor Cauby Peixoto, participou de uma rodada de cervejas, sob a coordenação do publicitário Luiz Cláudio Glomier, no Bar do Cipriano, na Rua Ferreira Pena, para ouvir as músicas do finado e reunir a galera na conhecida “SEGUNDA SEM LEI”;

Tenho um amigo, o Jokka Loureiro, considerado o Rei do Peixe Frito, do bairro de São Raimundo – segundo ele, todos os dias ele sai à noite para tomar umas e outras e, paquerar a quengas – com exceção das segundas-feiras, quando leva adona encrenca para um programa a dois “Pode chover canivetes, mas, na segunda a patroa não escapa nem com nojo da zagaiada” disse certa  vez – é a “SEGUNDA SEM LEI”;

Muitos jovens motoqueiros arruaceiros gostam de se reunir em praças, avenidas desertas e outros lugares distantes, para fazer pega, beber, fumar dirijo e fugir da batida policial - é a “SEGUNDA SEM LEI”;

Alguns clubes, bares e restaurantes possuem um público cativo nas segundas, onde rola muito rock maneiro, MPB das boas, sem cover artístico nem entrada, com a cerveja mais barata do que os outros dias da semana e petiscos mais encontra – é a famosa “SEGUNDA SEM LEI”;

Nas redes sociais existem grupos de amigo que combinam para jogar futebol, pedalar, correr e praticar outros exercícios físicos, eles se encontram somente na “SEGUNDA SEM LEI”.

Os mais antigos manauaras gostavam de assistir filmes no Cine Guarany e Polytheama, do gênero “Western”, conhecidos como “Bangbang”, onde a violência imperava, com mocinhos e bandidos montados em cavalos mandando tiros para todos os lados – era a imperdível “SEGUNDA SEM LEI”;

Faz algum a tempo a Televisão Band passava alguns filmes desse gênero: Ninho de Cobras, 1970, com Kirk Douglas A Marca da Forca, 1968, com Clint EastwoodO Dólar Furado, 1965, com Giuliano Gemma -Três Homens em Conflito (1966) -Era Uma Vez no Oeste (1968) -O Vingador Silencioso (1968) - erachamado“CINE SEGUNDA SEM LEI”.


Até mais ver na SEGUNDA SEM LEI. É isso ai.
Postar um comentário