sexta-feira, 23 de outubro de 2015

CIRCULANDO PELA MINHA MANA MANAUS - NO DIA DO SEU ANIVERSÁRIO



Amanhã, dia do aniversário da minha cidade, nada escreverei a seu respeito, somente curtirei e andarei por suas ruas, becos, botecos, praças e monumentos históricos.




Moro, atualmente, no bairro da Cidade Nova II, mas, o meu coração está no centro histórico de Manaus, onde nasci, vivi minha infância, adolescência e vida adulta.



Hoje, vou de “mala e cuia” para a casa dos meus saudosos pais, na extensão da Vila Paraíso – onde dormirei e, caso Deus permitir, pretendo acordar cedo, ir até um mercado municipal para tomar um mingau de banana com tapioca; comprar o Jornal do Commercio ou Amazonas Em Tempo, os quais irão mostrar cadernos especiais sobre a nossa cidade.



Não vou querer saber de políticos e politicalhas, desgraças humanas, problemas econômicos ou notícias ruins - apenas caminhar e curtir a minha cidade.



Às dez horas, a pedida será o Projeto Jaraqui, na Praça da Polícia, onde o meu amigo e professor Ademir Ramos Ramos fará uma homenagem toda especial a Manaus e sua gente – vou entrar no samba, com a batucada da Banda do Boulevard.



Ao meio dia, irei comer aquele peixe frito com baião de dois, na Barraca do Betusca, no Mercado Adolpho Lisboa, depois, passearei pela orla de Manaus.



Tirarei uma sesta, para recompor o corpo e o espirito – a tardinha, o pedido é tomar um Tacacá, na Tacacá Na Bossa do meu amigo Joaquim, depois, como ninguém é de ferro, passarei pelo Bar do Armando, para encontrar velhos amigos e jogar conversa fora.



À noite, a pedida será o Bar Caldeira "Oficial", do meu amigo Carbajal Gomes, onde teremos a presença confirmada do cantor e compositor Torinho (atual Zeca Torres) – ele cantará aquela música famosa “Porto de Lenha”.



Para finalizar, quero uma rede para me embalar, dormir e roncar, em minha Mana Manaus. É isso ai.
Postar um comentário