terça-feira, 8 de abril de 2014

SECOS & MOLHADOS


PRESIDENTE PALINHA - O Palinha é um antigo servidor da Manaus Energia, ele sempre foi ligado ao Partido dos Trabalhadores, tanto que a sua camisa preferida do dia-a-dia é da cor vermelha – militou durante anos no sindicalismo, foi por um  bom período, o Presidente do Sindicato dos Urbanitários do Amazonas. Certa vez, foi convidado pela Federação Nacional dos Urbanitários, para um encontro em Brasília, onde todos os representantes dos Estados iriam ratificar o Acordo Trabalhista da categoria. Chegando lá, o companheiro Palinha era o único vestido de paletó e gravata, porém, no auditório em que estavam reunidos, existia uma imensa mesa onde todos eles deveriam estar sentados para assinar tal documento. O Palinha ficou de pé, pois não havia cadeiras suficientes – pacientemente, esperou todos se levantarem e, foi o último a colocar a sua rubrica, nesse momento, um repórter e um fotógrafo de um jornal de grande circulação nacional, registra aquele momento solene e, saiu na manchete no dia seguinte: “Presidente da Eletrobrás assina o Acordo Coletivo”, aparecendo a fotografia do nosso Palinha como fosse o tal executivo da estatal. Ele foi herói nacional da categoria e, onde passava, todos batiam nas suas costas e falavam na gozação: “Parabéns, Presidente Palinha!

PALPITE BARÉ – Pois é, acho que o vice do Melo (Pros) será a Rebeca Garcia (PP), aliás, ela estava sendo preparada e foi colocada em evidência no governo do Omar Aziz (PSD) para fazer parte nesse jogo político. Como é certa a eleição do Omar para o Senado, a sua esposa, a Nejmi Aziz (PSD) disputará a eleição para Deputada Federal, pois os dois estarão juntos em Brasília. O moço Hissa Abrahim (PPS) pensa bem alto e, poderá compor com o Eduardo Braga (PMDB) para o governo do Estado. O Melo e o Omar ficarão alinhados com a Presidente Dilma (PT) – para a liberação de verbas para o Amazonas - todos estarão no mesmo palanque e, ela estará também no tablado do Braga. Pode? O Arthur Neto (PSDB) caminhará abraçado, em Manaus, com o Melo e o Omar e, fará de tudo para o insucesso do seu arqui-inimigo, o Braga. O Amazonino Mendes (PDT) será o mais votado para Deputado Estadual e, será o Presidente da Assembléia Legislativa, dando todo o apoio aos projetos do Melo. Daqui a quatro anos, o Melo não poderá concorrer a mais quatro anos, quando entra em campo o Arthur para governador. Tudo é apenas um palpite Baré!

COM A FACA E O QUEIJO NA MÃO – No dia 4 do corrente, foi a posse do Governador José Melo, um caboclo das barrancas do município de Eurinepé, de onde veio ainda criança com os irmãos e os pais, na terceira classe de um barco com destino a Manaus – ralou muito, mas, chegou ao posto máximo da administração pública estadual. Era do PMDB, onde foi humilhado e colocado para escanteio pelo Presidente do Partido, o Senador Eduardo Braga – foi obrigado a filiar-se na nova agremiação partidária, o Partido Republicano da Ordem Social - PROS, batendo CONTRA o Senador, na disputa por mais quatro anos no governo do Estado do Amazonas. O Omar Aziz (PSD) foi vice do Eduardo e, assumiu o governo em decorrência a saída do titular para concorrer ao Senado – ganhou a eleição, mas, como já tinha assumido o governo anteriormente, ficou impedido de buscar a reeleição. O Melo ficou bem na fita, pois é o dono da chave do cofre e, disputa a eleição para governador, numa batalha cruel contra o preferido nas pesquisas, o Eduardo Braga (PMDB). Chegou “a hora da Onça beber água”, pois o Eduardo não terá apoio do Omar e, nem do Prefeito Arthur Neto (PSDB) – todo aquele Prefeito do interior que lançar apoio ao Eduardo, terá a “torneira financeira” do Estado fechada! Sendo assim, o José Melo está com “a faca e o queijo na mão”, basta apenas cortar e comer!


ÁGUA DE BEBER – Era mais ou menos dez da noite, estava numa sede danada, abri a geladeira e, nada de água, fui até o garrafão e, nada do líquido precioso! É agora, José? A essa hora da noite não dava mais para ir atrás de água! Lembrei daquele comercial da Manaus Ambiental, apresentado pela Tatiana Sobreira, exaltando a qualidade da água encanada “A água da Manaus Ambiental é testada 30 mil vezes ao mês”. Caramba! Como é que pode? Mil testes por dia! Conta outra, gata! Pensei: “Vou no papo dela? Será que dá para beber direto da torneira, como aparece no comercial? Sei, não!” Por vias da dúvidas, fervi e deixei gelar um pouco, segurei a respiração, tampei o nariz e, tentei engoli, nesse momento, pensei na antiga “Colama”, o apelido da COSAMA – cara, não entrou nem com nojo! O jeito foi sair e comprar uma garrafinha de água num posto de gasolina! Eu, hein!
http://youtu.be/IG0SwJqs_0s


TÔ LISO – Num belo e ensolarado sábado em Manaus deu-se a abertura do maior campeonato de peladas do mundo, o famoso “PELADÃO”, o evento foi na Avenida Eduardo Ribeiro – no palanque das autoridades estavam o então Governador Gilberto Mestrinho e o poderoso dono do Jornal “A Crítica”, o Humberto Calderaro Filho – eu estava em companhia de uma galera do Igarapé de Manaus e, ficamos numa arquibancada de madeira, bem frente as autoridades. Dei corda para o Totonho, um colega que tomava todas “Totonho, num intervalo da apresentação dos times, vai até o meio da rua e grita: Governador, paga uma gelada!”. Se tu fizeres isso, pago “uma cheia” (uma garrafa de cachaça). Dito e feito! O Totonho largou o verbo! O governador na maior cara dura, respondeu: “Tô liso”. Ai o Totonho mandou chumbo grosso: “Se o governador está liso, imagina eu!”. Todo mundo caiu na gargalhada, incluindo a comitiva de baba-ovos que estavam no palanque. O Calderaro chamou o Totonho em particular e colocou uma nota máxima no seu bolso. Ao voltar, falei: “Totonho tá aqui a grana da cachaça!”. Ele respondeu: “Não precisa não, pois ganhei grana para comprar uma grade de cerveja, tô numa boa e o governador liso! Pode?

MÚSICA DE PENICO – Tem um “fio de uma égua” que passa com o seu carro toda noite no meu bairro e, põe no volume máximo uma música de funk com a voz de um carioca de morro – o problema maior não é essa música de penico (sem pé, nem cabeça, uma merda, mesmo!) , mas, o volume que de tão alto, estremece até o meu barraco! Será que esse camarada ainda tem tímpanos? Ou quer aparecer? Sei, lá! Tenho um vizinho que respeita a “lei seca”, mas, não respeita “a lei do silêncio! Ele bebe na sua casa, abre a garagem e, põe no toco umas músicas de puteiro (brega), depois, toadas do Boi Garantido e, para finalizar, detona o manjado Bruno & Marrone – o show vai das seis até as onze da noite de sexta-feira e sábado! Caramba, o meu ouvido não é penico! Acho que na próxima sexta-feira irei me mandar para o centro e, ouvir algumas músicas de responsa, no violão e voz do Cabral lá no ET Bar!

Obs.: Os leitores já estão acostumados com o BLOGDOROCHA, pois escrevo algumas postagens sobre temas sérios, históricos e alguns de interesse para a nossa cidade. Por outro lado, para relaxar, escrevo também de forma leve, cômica, debochada, com gírias, carregado de Amazonês e até com palavrões! É isso ai! 
Postar um comentário