quarta-feira, 28 de outubro de 2009

TUDO MUDOU



Composição: Chico da Silva/Venâncio


Mudou,

Meu pandeiro de couro se modificou

O progresso da arte o plastificou

A viola de pinho se eletrificou

Tudo mudou

Mudou,

Já existe uma orquestra num só instrumento

A ciência aniquila com nosso talento

E o artista é que sofre com esse advento

Tudo mudou

Mudou,

O idioma gritando cadê meu capricho?

É o pacas, é o putes

É o pow, falo bicho.

Pra cultura primária o esforço mudou

O mental mudou

Não comunicou

É o Brasil país que tem seu dialeto

O ok não é nosso, não é o concreto.

A corruptela de estar ficaria mais certo

Tudo mudou

Mudou,

O abraço não chora pra quem vai partir

O adeus não conversa com que vai ficar

O sorriso não fala pra quem vai sorrir

Tudo mudou

Mudou,

O olhar não tem graça pra quem vai olhar

Só Deus desse mundo foi quem não mudou

E o mundo de Deus ainda está no lugar

Mas o resto mudou e como mudou

O menino proveta se enche de glória

A ciência da vida perdeu a memória

Ou será que o amor vai sair da história

Tudo mudou

Tudo mudou

Mudou
Postar um comentário