sábado, 29 de dezembro de 2012

CARTA PARA O ARTUR



Manaus, 29 de Dezembro de 2012

Oi, Neto! Tudo bem? Espero que quando esta missiva chegar até em tuas mãos, possa te encontrar com saúde de ferro, com uma fome de leão para administrar a cidade de Manaus e, com a felicidade do ganhador da mega sena da virada!

Antes de tudo, irei me apresentar: sou aquele cara que te cumprimentou na Feira de Artesanato da Avenida Eduardo Ribeiro, quando o nobre amigo ainda estava em campanha, na época em que ainda podias caminhar sozinho, despreocupado, sem seguranças e cercado de baba-ovos por todos os lados – sou o filho do luthier Rochinha (um dos artistas em que você ajudou na tua administração passada), inclusive, ousei em te mandar pelos correios um currículo, pois estou com sede para voltar à ativa e, trabalhar para a cidade que amo de paixão.

Agora você é o alcaide, o dono da chave do cofre, o numero um do executivo municipal – pode cantar no banheiro aquela música do Roberto “Esse Cara Sou Eu” – desculpe por não tratá-lo por excelência, pois esta carta parece com aquela do meu amigo Ribamar Mitoso “A Carta Doida” – na realidade, eu sou doido, mas, não sou leso!

O teu vice deu a maior mancada, achou que era um pavãozinho, o cara se recusou a receber o canudo do TRE, simplesmente por não ter sido chamado para compor a mesa das autoridades, acho que você já deu um puxão de orelha no jovem, afinal, você é um macaco velho e, uma das tuas praias é a diplomacia – mas, o rapaz é bom e está aprendendo!

Outra coisa, eu não sou baú para ficar guardando coisas – o pessoal do Café do Pina, do Bar do Caldeira e do Projeto Jaraqui, estão largando o pau na composição do teu secretariado:

Infraestrutura e Habitação - dizem que o titular nunca sentou um tijolo sequer na vida, muito menos fazer um traço de cimento, além de não saber nem o que é uma casa meia-água;

Educação - o cara é um engenheiro rico e, ninguém entendeu o porquê dele deixar a capital federal, a vice-liderança do DEM e as mordomias de um Deputado Federal, para se meter numa secretaria municipal;

Juventude, Esporte e Lazer – o menino atleta ganha todas as eleições para vereador, mas, sempre é chamado para exercer essa secretaria, está ficando manjado e velho na função.

Implurb – o nomeado é do ramo – todos esperam apenas que não faça como o seu antecessor: anunciava um choque de ordem na cidade, mas, ficava de braços cruzados, na moita!

Governo/IMTU – dois grandes dinossauros que foram desenterrados a pedido do Cabo Pereira;

Requalificação do Centro – o jovem foi chamado em decorrência de gostar do centro, dizem os fofoqueiros de plantão que ele é filinho de papai e, que nunca andou a pé pela Largo do Matriz, muito menos pela Feira da Banana;

Meio Ambiente – dizem que ela é socióloga e que nunca pisou na floresta amazônica, além de ser uma gringa – alguém sabe pronunciar “Schweickardt”?

Neto, não leve a sério as criticas, sabe como é, todo brasileiro é assim, gosta de dá pitaco em tudo; você jamais irá agradar a gregos e troianos – não esquenta! Outra coisa, você acertou em cheio quando convidou o Guto, o Ulisses, o Noronha, o Lourenço e o Valois!

Eu entendo que você não teve outra escapatória para conseguir apoio de peso para a tua campanha, deve ter sido angustiante fazer acordos com o capeta do Negão – agora, ele está cobrando a fatura: emplacou quatro secretários e, não permite a divulgação do déficit financeiro da prefeitura – um trabalho cuidadoso e apurado em sua exatidão pelo Castelo. Paciência, isto faz parte do jogo político.

Pois é, mano velho – estou feliz com a tua conquista e, esperançoso na revitalização do centro antigo de Manaus - na solução definitiva do abastecimento de água na nossa cidade - de peitar a máfia que se instalou na concessão do sistema de transporte público da capital – da regularização da coleta de lixo, da limpeza da cidade e a implantação da coleta seletiva – substituir o velho e cansado sistema de tapa-buracos das ruas, com asfaltos de qualidade e que durem pelo menos quatro anos.

Despeço-me, desejando quatro anos de grandes realizações para a nossa querida e amada cidade de Manaus. Abraços
Postar um comentário